[email protected]

Rua C, s/n - Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT, CEP 78049-913 - Tel (65)3613-7236

Secretário percorre regiões norte e noroeste para discutir melhorias para a agricultura familiar

Em quatro dias, Silvano Amaral percorrerá 17 municípios em intensa agenda governamental
Nas cidades que visita, Silvano Amaral ressalta a importância do gestor conhecer a realidades locais
A | A

O secretário de Estado de Agricultura Familiar, Silvano Amaral, cumpre agenda nas regiões centro-norte, norte e noroeste. Objetivo é debater com as lideranças locais as prioridades para o desenvolvimento da agricultura familiar nessas regiões. Hoje (27.01) o representante do Governo do Estado se reúne dezenas de lideranças das cidades de Nova Monte Verde, Nova Bandeirantes, Juruena e Cotriguaçu. Nessas cidades serão discutidas alternativas que promovam melhorias no trabalho desenvolvido pelos produtores familiares.

Na segunda, Silvano Amaral havia passado por Marcelândia, União do Sul, Cláudia e Terra Nova do Norte. Já ontem os municípios percorridos foram Colíder, Nova Canaã do Norte, Carlinda e Alta Floresta. Nesta última cidade, o secretário de Estado de Agricultura Familiar recebeu também lideranças das cidades de Apiacás e Paranaíta, cidades essas próximas de Alta Floresta.

Nas cidades que visita, Silvano Amaral ressalta a importância do gestor conhecer a realidades locais, não ficando apenas atuando dentro do gabinete governamental, de modo que a vivência in loco possam nortear as tomadas de decisões e diretrizes das políticas públicas. “

“O Estado acerta nas decisões à medida que se aproxima da realidade dos seus cidadãos. Essas visitas são proveitosas porque discutimos de forma regional as pautas que melhor se encaixam na região. As vezes os investimentos para a agricultura familiar para a região sul, não são as mesmas para a região oeste, por exemplo”, explica Silvano Amaral.

Para o prefeito Terra Nova do Norte, Pascoal Alberton, a atuação do secretário tem sido bastante participativa. “Silvano é daqueles secretários que não fica preso dentro de gabinete, limitado a apenas atender na capital. É um secretário presente nos municípios, principalmente naqueles pequenos, onde a mão do Estado é mais necessária”, destaca Pascoal Alberton.  

Nas cidades que tem percorrido, o secretário observou que os pedidos por doação de patrulhas mecanizadas são os mais recorrentes. “É que esses maquinários são de grande ajuda nos trabalhos que as prefeituras, associações e cooperativas desenvolvem no atendimento às necessidades dos agricultores familiares. Além de agilizar o trabalho que muitas vezes seria braçal, otimizam o tempo que o trabalhador teria para preparar a área para o plantio por exemplo”, explica o secretário.

Recentemente a Seaf entregou 42 patrulhas mecanizadas a 42 cidades, e em 2019 havia entregues outras para 19 cidades. Cada patrulha mecanizada é avaliada aproximadamente em R$ 180 mil, e é composta por um trator agrícola 4×4 com potência de 110 CV, uma carreta basculante com capacidade para seis toneladas e uma grade aradora com 18 discos de 28 polegadas.

         Amanhã, as cidades visitadas serão Colniza, Aripuanã e Castanheira. Nessas cidades, o secretário e o deputado federal Juarez Costa, que também percorre esses municípios, participarão de reuniões com prefeitos, vereadores e representantes de classes da agricultura familiar.

 

Outras informações:

Assessoria de Comunicação da Seaf-MT.

Fones: 3613-6214/ (65) 98122—2207 (Luciana Cury)/ (65) 99678-2452 (Thaylla Maiza).